Skip to content

Moção de Apoio ao povo egípcio

10/02/2011
 

MOÇÃO DE APOIO AO POVO EGÍPCIO


Há mais de duas semanas que, consecutivamente, centenas de milhares de pessoas se manifestam nas principais cidades do Egipto exigindo o fim do regime de Hosni Mubarak. O apoio internacional é importante para que os direitos do povo egípcio sejam atendidos. Nesse sentido, convidamo-lo a subscrever e a divulgar a seguinte moção:

Apoio ao povo egípcio

Desde 25 de Janeiro, a revolta popular no Egipto exige o fim do regime liderado por Hosni Mubarak.

Mais de 300 pessoas foram, entretanto, mortas pelas forças repressivas.

Mas, longe de perder força, a revolta continua e ganha mais adeptos.

No sétimo dia de protestos, mais de um milhão de pessoas manifestaram-se no Cairo e muitas mais centenas de milhares concentraram-se nas principais cidades do Egipto.

As suas exigências são as mesmas por todo o país: demissão do presidente Hosni Mubarak, fim do regime instaurado há 30 anos, liberdade, melhores condições de vida.

A resposta do regime resume-se a procurar ganhar tempo, a lançar provocadores contra os manifestantes, a fomentar a insegurança – tentando com isso desmoralizar e desmobilizar os protestos.

Juntando-se às acções de solidariedade que decorrem por todo o mundo, os cidadãos e as organizações abaixo-assinados

Manifestam o seu completo apoio à luta e às exigências do povo egípcio;

Reclamam das autoridades portuguesas, designadamente, do Presidente da República, do Governo e da Assembleia da República,

– que reconheçam publicamente a justeza dessas mesmas exigências;

– que desenvolvam a acção diplomática necessária para que as autoridades egípcias respondam cabalmente às reivindicações populares abdicando sem mais demora do poder e abstendo-se de reprimir os manifestantes.

Lisboa, 1 de Fevereiro de 2011

Associação Abril

Bloco de Esquerda

Colectivo Casa Viva, Porto

Colectivo Mudar de Vida

Colectivo Mumia Abu-Jamal

Colectivo Política Operária

Comité de Solidariedade com a Palestina

Fórum Pela Liberdade e Direitos Humanos

Pagan/Plataforma anti-Nato anti-guerra

Resistir.info

SOS Racismo

Terra Viva (Porto)

Tribunal-Iraque (Audiência Portuguesa do Tribunal Mundial sobre o Iraque)

Alfredo Martins (Porto)

Ana Ribeiro (membro da mesa da assembleia geral da Associação José Afonso)

António Cunha (membro do colectivo Casa Viva, Porto)

António Pedro Valente (membro do colectivo Casa Viva, Porto)

António Sequeira (membro da Direcção da Associação José Afonso)

Domingues Rebelo (técnico oficial de contas, Porto)

Fernando Lacerda (presidente da direcção da Tane Timor – associação Amparar Timor)

Francisco Silvério de Almeida Fernandes (membro do núcleo do norte da Associação José Afonso)

Joana Afonso (membro do núcleo do norte da Associação José Afonso)

Judite Almeida (membro da direcção do Sindicato dos Professores do Norte)

Lígia Cardoso (membro da direcção da Tane Timor – associação Amparar Timor)

Maria José Ribeiro (dirigente do Sindicato Nacional dos Profissionais de Seguros e Afins)

Paulo Esperança (membro da Direcção da Associação José Afonso)

Advertisements
One Comment leave one →
  1. Miguel Pedro Mourão Carvalhais Gama permalink
    11/02/2011 21:05

    Esperemos que os Egipcios não aceitem esta troca de Fantoches e continuem na rua a LUTAR!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: