Skip to content

NATO. Rasmussen vê ameaças aos aliados, mas não as identifica

04/11/2010

NATO. Rasmussen vê ameaças aos aliados, mas não as identifica

por Mariana de Araújo Barbosa , Publicado em 04 de Novembro de 2010  |  Actualizado há 11 horas.
A 16 dias da cimeira em Portugal, Rasmussen admite que pode haver ameaças à aliança. E não faz referências ao Irão
Moscovo serviu de cenário ao encontro entre Rasmussen e Lavrov 

  • Moscovo serviu de cenário ao encontro entre Rasmussen e Lavrov
O secretário-geral da NATO voltou ontem a afirmar que há ameaças aos Estados-membros da aliança, mas recusa identificar de onde pode partir esse perigo. Anders Fogh Rasmussen admitiu que os “problemas de segurança” são um assunto que preocupa os responsáveis da NATO, mas mostrou-se relutante em relação a identificar um inimigo, defendendo antes a necessidade da Aliança avançar para o sistema de defesa anti-míssil, que deverá ser definido na Cimeira de Lisboa, de 19 a 21 deste mês. 

“A NATO vai decidir em Lisboa a criação de um sistema de defesa antimísseis territorial e essa decisão será acompanhada de um convite à Rússia, para cooperar connosco”, disse Rasmussen à imprensa, depois da reunião com o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov. De acordo com Lavrov, e na sequência da proposta do alto responsável da NATO, o presidente russo, Dmitri Medvedev disse que vai estudar a proposta. O presidente russo estará também na cimeira de Lisboa e deverá discutir o tema com os líderes dos países da NATO. “Nos últimos tempos, as relações entre a Rússia e a NATO tornaram-se mais produtivas, mais substanciais”, disse Medvedev, citado pelas agências de notícias russas.

Confrontado com questões relacionadas com a ordem de trabalhos do encontro de Lisboa, Rasmussen sublinhou que a atenção da Aliança Atlântica deve concentrar-se na resolução de problemas práticos, evitando a questão de uma possível adesão da Rússia à organização. A prioridade de Rasmussen é o sistema anti-míssil, porque, diz, “mais de 30 países têm tecnologia para lançar mísseis balísticos e alguns deles podem atingir território dos países aliados”.

A principal ameaça será o Irão, que tem desenvolvido mísseis de longo alcance, o que levanta uma questão diplomática no seio da NATO: os EUA e países europeus querem dar uma nova oportunidade a Teerão para suspender o enriquecimento de urânio e a Turquia, membro da NATO, não quer um sistema no seu território apontado ao Irão.

Cimeira Em Lisboa, em cima da mesa estarão a questão do desarmamento nuclear, um assunto que divide a França e a Alemanha, e ainda a questão da entrada da Rússia na organização. “Segundo o Tratado do Atlântico Norte, nomeadamente o artigo 10, a NATO pode convidar qualquer país europeu que queira garantir uma segurança euro-atlântica e seguir os princípios de base da NATO”, sublinhou Anders Fogh Rasmussen, acrescentando: “Claro que isso inclui a Rússia. Devemos olhar de forma realista e pragmática para essa questão”.

Sem novidades “A Geórgia pode esperar que reafirmemos uma vez mais o que foi decidido em 2008 na cimeira de Bucareste. Decidimos que a Geórgia se tornará membro da NATO se ela corresponder aos critérios indispensáveis para isso. Ou seja, iremos confirmar uma vez mais as decisões tomadas em Bucareste”, disse ontem Rasmussen em Moscovo, garantindo que a cimeira em Lisboa não trará novidades sobre a adesão da Geórgia. O caso é um dos pontos de discórdia entre a NATO e Rússia, recordou Anders Fogh Rasmussen, sublinhando que a organização internacional apoia a integridade territorial da Geórgia e não reconhece a independência da Ossétia do Sul e da Abcázia. Com Lusa.

http://www.ionline.pt/conteudo/86749-nato-rasmussen-ve-ameacas-aos-aliados-mas-nao-as-identifica
Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: